OSX / Homebrew – Rmagick Istallation Problem on imagemagick 6.8.x

After upgrade to imagemagick 6.8.x, I started to face some problems on installing rmagick gem.

Googling, I found many tips about how to fix this, but none worked for me. Till I found the solution:

$ cd /usr/local/Cellar/imagemagick/6.8.7-7/lib
$ ln -s libMagick++-6.Q16.dylib   libMagick++.dylib
$ ln -s libMagickCore-6.Q16.dylib libMagickCore.dylib
$ ln -s libMagickWand-6.Q16.dylib libMagickWand.dylib

JavaFX Composer – Boa notícia!

Lançada a primeira versão do JavaFx Composer, um editor visual para desenvolvimento de aplicações JavaFx.

Ele trabalha com definição de estados e transições (inspirado no Flex, creio eu) e facilita bastante o trabalho do desenvolvedor.

Disponibilizado através de um plugin para o Netbeans 6.8, ainda não está nem em versão beta, mas já está bastante interessante e digno de ser olhado com mais cuidado.

Visite o wiki e leia o getting started para maiores informações.

Aprenda Django!

Sabemos que, pra um desenvolvedor poder dizer que está na crista da onda, precisa ao menos conhecer linguagens como Ruby, Python, Scala, etc…

E, claro, eu estou tentando fazer minha parte! Venho estudando Ruby há um tempo, e no próximo dia 3 (03/11) começo o curso de Rails da e-Genial com Daniel Lopes.

Em paralelo a tudo isso, tenho estudado um pouco acerca de Python e Django e, em meio a algumas pesquisas, encontrei o site Aprendendo Django do Marinho Brandão. Ele escreveu um livro sobre Django e o disponibilizou sob a licença Creative Commons.

Há a versão impressa que você pode comprar com seu cartão internacional, além da versão em pdf pra livre download no site! Você também pode usar o Paypal ou o PagSeguro para fazer uma doação e incentivar o rapaz a continuar com um coração tão bondoso! =D

VRaptor3 – Isso é que é framework!

VRaptor é um framework MVC mantido pelo pessoal da Caelum (http://www.caelum.com.br). Um projeto brasileiro!

Desde sua primeira versão traz consigo conceitos de DRY e CoC, herdados do mundo Rails. E na versão 3 adiciona vários novos recursos, dentre os quais, destaco o excelente suporte a REST.

A integração natural com Spring é algo que devo frisar. “O VRaptor roda dentro do Spring”, logo, tudo o que há no Spring funciona no VRaptor sem que haja nenhuma configuração!

Com VRaptor você fica livre dos XMLs, configurações maçantes e se torna um programador feliz! Basta seguir a convenção a lá Rails. A mínima configuração (eu disse mínima), em casos em que se torna necessária, é feita baseada em anotações. A sua aplicação fica totalmente desacoplada do framework.

Além de ser um excelente framework e possuir uma curva de aprendizado mínima, possui uma comunidade brasileira muito forte e excelente documentação em português.

Site do projeto: http://vraptor.caelum.com.br/

Rails Summit vem aí!

Rails Summit 2009

Dias 13 e 14 de outubro ocorrerá a maior conferência anual da comunidade Ruby e Ruby on Rails da América Latina!

No corpo de palestrantes o evento conta com nomes conhecidos e reconhecidos mundialmente, dentre eles: Obie Fernandez (autor do The Rails Way), David Chelimsky (desenvolvedor-líder do RSpec), Fabio Kung, Carlos Villela dentre outros feras!

Infelizmente minha situação financeira está complicada e vou precisar encontrar alternativas (leia sorteio de ingressos) pra conseguir participar!

Redcar – Um bom editor Ruby

Pra quem gosta de se aventurar pelo mundo Rails, mas ainda não tem o privilégio de possuir um Mac com seu incrível TextMate, e estava a procura de um bom editor Ruby pra usar no seu velho GNU Linux (No meu caso Ubuntu 9.04), eis uma excelente opção: Redcar!.

Até conhecê-lo, usava GEdit com alguns plugins interessantes. Comecei a usá-lo há alguns dias e o rapazinho tem me agradado. É um projeto novo, mas já possui um bom nível de maturidade.

Vale a pena conferir!